Ir para o conteúdo

A internet é uma das responsáveis por potencializar a intensidade das relações, sendo capaz de estreitar e aprofundar ainda mais os laços de comunicação entre as pessoas e também entre empresas e consumidores. A possibilidade de buscar produtos e serviços de forma mais ágil tornou tudo o que envolve o digital mais atrativo, desde sites até as redes sociais.

O crescimento da Internet durante a pandemia

Em 2020, o mundo começou a atravessar um mundo desconhecido: a pandemia provocada pelo coronavírus. Grande parte das lojas e empresas precisaram fechar, ficando disponível para a população apenas aquilo que foi considerado essencial. Além disso, os encontros e festas também deixaram de existir; por conta da necessidade de distanciamento social.

E foi durante essa distância física provocada pelo vírus que a Internet atingiu seu novo auge. As pessoas, por estarem isoladas, passaram a consumir cada vez mais os conteúdos que estão disponíveis on-line, produzirem conteúdos (pessoas que já produziam e novos produtores), além de tornar o mercado on-line muito mais ativo, por meio de compras nas redes sociais e e-commerce.

Com isso, os números cresceram e continuam a crescer, pois essa já era uma tendência antes da pandemia.

Migração dos negócios e as vendas on-line

Com a necessidade de fechar lojas físicas durante o pico da pandemia, as empresas precisaram migrar suas vendas para o on-line, como uma forma de manter a economia ativa e seu negócio lucrando, além de continuar em contato com seus consumidores. Muitas passaram a intensificar as vendas pelas redes sociais, especialmente Instagram e Whatsapp, e outras viram a oportunidade de investir em e-commerce.

O e-commerce é uma ótima forma de vender on-line, pois o seu consumidor tem autonomia e liberdade para começar e finalizar a compra sozinho. Por isso, uma das principais características dos sites é que ele deve ser muito intuitivo, visto que o objetivo é otimizar todo esse processo – facilitando para as empresas e para os clientes.

Essa prática foi tão bem aceita que esse comércio on-line cresceu em 29% quando compara-se o cenário de 2020 com 2019. Cerca de 13 milhões de novas pessoas passaram a comprar assiduamente pela internet por conta da pandemia.

E a tendência é que as pessoas continuem a comprar através do digital, pois a facilidade e comodidade de comprar através de um clique conquistou os consumidores do mundo todo, como aponta a pesquisa realizada pela Ipsos, a Shopping During The Pandemic, que mostrou que 43% das pessoas passaram a comprar on-line por conta do distanciamento social.

Esses dados e estatísticas só reforçam a ideia de que a internet, hoje, é a maior aliada dos negócios. Com ela é possível expandir o seu comércio, atingir novos públicos e aumentar o número de vendas sem que precise, necessariamente, aumentar os gastos e investimentos. Inclusive, a possibilidade de lucros são bem maiores. Por isso, a presença no digital deixou de ser opcional e passou a ser obrigatória!

Para destacar sua empresa on-line e vender mais, conte com o Grupo Dinâmica! Entre em contato.

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Role para cima
%d blogueiros gostam disto: